• Equipe Dias e Palma

Passa a ser obrigatória a substituição de 17 tipos de testes em animais por métodos alternativos

Findou no final de setembro o prazo para que empresas e pesquisadores adaptassem suas pesquisas para substituir testes anteriormente realizados em animais.


A obrigatoriedade da substituição dos testes está prevista na Resolução Normativa nº 18/2014 do Concea (Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal), que reconheceu 17 métodos alternativos para 07 grupos de testes, sendo eles:


  • avaliação do potencial de irritação e corrosão da pele;

  • avaliação do potencial de irritação e corrosão ocular;

  • avaliação do potencial de fototoxicidade;

  • avaliação da absorção cutânea;

  • avaliação do potencial de sensibilização cutânea;

  • avaliação de toxicidade aguda;

  • avaliação de genotoxicidade.


Conforme a Resolução as aplicações específicas de cada um dos métodos, bem como se estes se destinam à substituição total, parcial ou redução se encontram descritas no próprio método.

As empresas tiveram 05 anos para realizarem as adaptações necessárias.


Para saber mais, acesse a Resolução em:

www.mctic.gov.br/mctic/export/sites/institucional/institucional/concea/arquivos/legislacao/resolucoes_normativas/Resolucao-Normativa-CONCEA-n-18-de-24.09.2014-D.O.U.-de-25.09.2014-Secao-I-Pag.-9.pdf

0 visualização

Rua Dr. Freire Alemão, 523/301-B - Mon't Serrat - Porto Alegre/RS - CEP 90.450-060

contato@diasepalma.com.br

  • Facebook
  • Instagram